Valores Humanos: Aliado ou Inimigo?

Voltaire

“O problema é que na nossa sociedade atual, obcecada pela Felicidade, todo mundo quer o ganho sem a dor, o resultado sem o processo e a recompensa sem o risco” – Fernanda Nêute.

Eu apenas acrescento nesta frase, junto com a palavra Felicidade, também a obsessão pelo Consumismo e pelo Enriquecimento Rápido e Fácil – que normalmente está ligado a alguma coisa ilícita.

Estamos vivendo aqui no Brasil (já há algumas décadas), situações onde fica bastante clara a Inversão dos Valores Humanos nos quais temos sido educados e que, de repente, passaram a não ter mais o mesmo Peso ou Significado nos nossos Comportamentos cotidianos, diante dos novos interesses Políticos, Sociais e Econômicos, tais como:

  • Respeito e Consideração ao outro: amigo, vizinho, desconhecido, família…;
  • Incentivo à Honestidade e Confiança: ser Honesto era fundamental para qualquer pessoa ter oportunidade de ser bem sucedido na sua Profissão, com suas Amizades, nos Negócios, na família…;
  • – Incentivo aos Estudos: Conhecimento e Cultura eram também requisitos fundamentais para se ter sucesso na vida;
  • Responsabilidade: Qualquer que fosse o Valor Humano, sem Responsabilidade não haveria condições de se dizer que alguém era Confiável, Honesto, etc.;
  • Consciência Social: somente ela nos torna Seres Humanos Civilizados, estejamos onde estivermos neste planeta e independente do grau de nossa Cultura, etc…

No Brasil ser ‘conivente’ com Atitudes e Situações que levam indivíduos a desgraçar a vida do outro (ou outros), era algo que o tornava um “Pária” na nossa Sociedade, levando essas pessoas a serem “isoladas” do convívio social, para maior Segurança das pessoas Honestas. A consequência era SEMPRE a Cadeia, marcando para sempre tais indivíduos, que eram olhados como um ser “abjeto”, asqueroso e que devia ser punido com rigor para nunca mais pensar em cometer seus crimes (fossem eles roubos, assassinatos, pedofilia, etc.).

Entretanto, essa Cultura de Valores Sociais deixou de existir aqui no Brasil, passando-se a Ter Valor Hoje, aqueles que demonstram ser:

  • – Espertos e sabem “burlar as leis” – ou até mudá-las, caso ela prejudique o(s) infrator(res);
  • – Mentir;
  • – Ser Desonesto;
  • – Não Cumprir o que Promete;
  • – Manipular as pessoas honestas;
  • – Roubar bilhões e penalizar o Povo Trabalhador, obrigando-o a pagar o que NÃO DEVE…, etc.

Este comportamento insano, torto, repleto de falcatruas ilícitas…, e a IMPUNIDADE de todos eles, tem agora a ‘cumplicidade’ de profissionais de todas as áreas, em todos os lugares (desde o setor público e privado mais alto, como a Presidência do nosso Brasil e de grandes bancos e empresas, até os cargos mais simples como o lixeiro e varredor de rua).

O PT conseguiu ACABAR COM AS DIFERENÇAS em nosso país, SIM. Ele CUMPRIU O QUE PROMETEU. Mas da PIOR MANEIRA POSSÍVEL – igualou todos os brasileiros, SIM…, mas PELO NÍVEL MAIS BAIXO dos Desvalores Humanos. E TODOS envolvidos em crimes (de qualquer tipo) têm somente UM OBJETIVO:- o seu próprio enriquecimento ilícito.

Ta-tudo-dominado

Este tornou-se o Comportamento mais comum da grande maioria dos cidadãos – comportamentos egoístas, torpes, mesquinhos… que se instalaram no povo brasileiro e é o que mantém a impunidade no país e transforma nossa população em cúmplice de todo e qualquer tipo de Corrupção.

De que lado você quer ficar, do CERTO ou do ERRADO?

Sim, o Certo e o Errado continuam existindo, por mais que os Ladrões de Casaca insistam em afirmar que Roubar bilhões dos Cofres Públicos seja somente “um mal entendido”. O Certo e o Errado existem e isso é muito bem explicado pela filosofia em Todos os Conceitos de Ética aceitos.

Os Princípios Morais da nossa sociedade têm bem definidos ‘o que é o CERTO e o que é o ERRADO, mesmo tendo eles sido ‘relativizados’ justamente para que a Impunidade seja cada dia mais fortalecida, transformando a nossa Sociedade e nossa Política numa “Terra de Ninguém” de forma progressiva, como temos podido perceber ultimamente.

Sim, o CERTO continua sendo o Certo, e o ERRADO continua sendo o Errado.

E se você se deparar com o Errado, DENUNCIE em vez de decidir ser CÚMPLICE.

Parece-me que estou ouvindo alguém dizer que “Isso não é da sua conta”. Não! Isso é da minha e da sua conta sim.

Uma Sociedade Corrupta é da minha e da sua conta porque TODOS NÓS que NÃO ROUBAMOS NEM ENGANAMOS estamos sendo obrigados a pagar pelo que não fizemos. Um bom exemplo disso são os Políticos no Poder. Eles são um espelho da Sociedade e dos seus Desvalores, como os citados neste texto.

Apenas como exemplo desses Desvalores temos assistido, em pleno séc XXI, o aumento da violência com as mulheres como jamais houve antes. No entanto, o Princípio é o mesmo para qualquer problema da sociedade.

O que É ERRADO DEVE SER DENUNCIADO!! Quando isso não acontece a Sociedade torna-se Cúmplice da Impunidade e tudo tende a ficar cada vez pior, transformando-se em “rotina”, “lugar comum” pela IMPUNIDADE E DESCASO do Poder Público.

Errado É NÃO DENUNCIAR O QUE ESTÁ ERRADO!

 

Angela Alem                                                                         14 de Junho de 2015

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s